Notícias

Plataforma PENSA atinge mais de um milhão de visualizações

07/05/18
Saúde
07/05/18

 

A Plataforma Educativa de Informação sobre Saúde (PENSA), lançada a 30 de Novembro de 2017 atingiu num espaço de 5 meses mais de 1 milhão de visualizações, resultante do acesso por 270 mil pessoas.

O Ministério da Saúde e a Source Code com o financiamento do Fundo Nacional de Investigação desenvolveu uma plataforma que visa disponibilizar informação ao cidadão sobre questões relacionadas com à saúde. Através da tecnologia USSD e acedendo gratuitamente para *660# em qualquer celular, nas três operadoras móveis em uso no país ou através do website www.pensa.org.mz, é lhe apresentada informação sobre sintomas, causas, tratamento e prevenção de doenças infecciosas (HIV/SIDA, tuberculose, malária, diarreias e cólera), patologias como (diabetes, hipertensão arterial, AVC, cancro da próstata, cancro do colo do útero e da mama) bem como informação sobre saúde materna e infantil, a localização e contactos das Unidades Sanitárias, entre outras informações de interesse público.

Em termos descritivos as visualizações tinham como foco buscar informação sobre doenças infecciosas (34%), outras doenças (25%), saúde, materna e infantil (12%), serviço Alô Vida (6%) e Unidades Sanitárias (6%). Alguns visitantes fizeram o cadastro (6%) e colocaram perguntas e sugestões (11%). Dos 20 mil cidadãos cadastrados na Plataforma, cerca de 21% são adolescentes e jovens dos 15 aos 19 anos, 37% jovens com idades compreendidas entre 20 e 29 anos, 24% adultos com 30 a 39 anos e os restantes 18% de outros grupos etários.

A distribuição do cadastro por província mostra que a cidade e província de Maputo têm maior número com 23% e 20% respectivamente, seguido de Gaza e Inhambane com 10% cada, e depois Sofala com 9%.

A plataforma PENSA tem-se mostrado eficiente no alcance de maior número de cidadãos em curto espaço de tempo, expectando-se cada vez mais a sua evolução doravante, o que irá alargar cada vez mais o acesso a informação sobre saúde através de dispositivos móveis.